FRATURA DOS OSSOS METACÁRPICOS E METATÁRSICOS

Autor: Dr Marcelo Maia

INTRODUÇÃO

As fraturas podem ocorre em qualquer ponto ao longo do seu comprimento, mas são mais comumente localizadas nos seu terços distais (no fim).

CAUSAS DAS FRATURAS

As fraturas são causadas por traumas externos na região da canela podem resultar de um coice de outro cavalo e pancadas diretas nas cercas, caminhão, no boi e dentre outras e por traumas internos das forças compressivas aumentadas sobre esses ossos durante as corridas, na pressão dos ligamentos.

SINTOMAS

O animal apresenta um aumento de volume (inchaço) na parte lateral ou medial da canela e próximo ao boleto. O animal pode apresenta uma claudicação (manqueira) de grau leve, moderada ou grave.

DIAGNÓSTICO

O diagnóstico baseia-se nas manifestações clínicas sinais locais e tipo de claudicação, que podem ser confirmadas Exames Radiográficos, Ultrassonográficos e Ressonância Magnética,são fundamentais para confirmação do diagnóstico e das doenças indicadas para o procedimento cirúrgico.

TRATAMENTO

O tratamento é feito pela Ostiectomia (retirada cirúrgica ortopédica) do fragmento e um tratamento de suporte aos ligamentos envolvidos se tiverem comprometidos.

 


Fig.1-) Presença de fratura no 4º metacárpico.

 


Fig.2-) Retirada cirúrgica da 4º metacárpico acessório.

 


Fig.3-) Curetagem dos fragmentos.

 


Fig.4-) Fragmentos do 4º metacárpico.

 

REFERENCIA BIBLIOGRÁFICAS

STASHAK, T. S. Claudicação em Eqüinos Segundo Admas. 5ª. ed. São Paulo: Roca,
2006. 1112p.
THOMASSIAN, A. Enfermidades dos cavalos. 4. ed. São Paulo: Livraria Varela,
2005. 573p.